Curtinhas: Paulo César, Daniel saindo, Varão nunca mais, Bueno, "sopradores" e mais

23 de Junho 2024 - 22h32


Paulo César (foto) está chegando

O ABC está acertando a contratação do zagueiro Paulo César, formado na base do Botafogo/RJ, e que  teve pelas bases e time profissional do Ceará, depois atuando na Inter de Limeira, Grêmio Anápolis e no Potiguar de Mossoró, nos anos de 2022 e 2023. PC é destro, mede 1.86m de altura e lembro muito bem dele porque o vi jogar no Frasqueirão, contra o ABC, quando dei meu voto a ele como melhor jogador da partida. O que mais me chamou a atenção foi sua ótima saída de bola. Ele tem 25 anos e seu último clube foi o CSA de Alagoas.

Daniel de deixar o ABC

Além da deslealdade cometida por Erick Varão, o ABC vai perder mais um jogador. Trata-se do volante Daniel. Esse foi decente e se valeu tão somente de sua cláusula contratual. Vai atuar até a partida contra o Ypiranga, depois se despede. Ainda não consegui apurar se a proposta que recebeu é para atuar no Brasil, na Série B, ou se para fora do Brasil. Interessante, outro meio campista que não vinha me agradando, falo por minha ótima, mas melhorou muito nos últimos jogos e vai fazer falta. Preenchendo essas lacunas, o professor Francisco Diá está tentando trazer um da posição que já havia sido tentado antes, além de um zagueiro e mais um atacante. Os nomes podem ser confirmados nas próximas horas.

Erick Varão nunca mais!

Futebol está quase impossível. Você até pensa e quer se posicionar em defesa dos jogadores, aí aparece um Erick Varão da vida, o cara estava na reserva do Marília, fez algumas péssimas partidas pelo ABC, foi mal, muito mal, mas se recuperou nas duas ou três últimas, de repente aparece proposta e ele entra na Justiça pedindo rescisão. A Juíza negou na primeira instância, mas ele vai na segunda, na terceira e termina ganhando, tem sido assim. O certo é que ele não joga nunca mais pelo Alvinegro, isso eu posso garantir. Nem dirigentes ou torcida vai admitir.O cara não procurou a direção e simplesmente mandou um recado para o treinador Roberto Fonseca, dizendo que não seguiria na equipe, desejando sorte e fim.

Ricardo Bueno em ação

O atacante Ricardo Bueno foi aprovado nos exames médicos de já vai poder estrear no América, se regularizado, na próxima partida, quinta-feira (27), diante do Sousa. Independente do jogador está pronto ou não, creio, a irresponsável direção não teria outra solução para o caso, afinal, tirou o cara lá do Confiança e se não assina contrato certamente ele iria entrar na Justiça, seria mais um. Ele ainda não teve seu nome publicado no BID.
.
Erros dos "sopradores"

Vale a pena sim ficar repetindo e repetindo os absurdos cometidos contra nossas equipes nos jogos dos Brasileiros. Vejam os absurdos contra o ABC: penalidade em Wallyson, jogo contra o Naútico; penalidade fantasma para o Londrina, aqui em Natal; penalidade em Lucas Sampaio, duelo em Sergipe, diante do Confiança; gol anulado de Jenison, diante do Figueirense e penalidade clara não marcada na última partida contra o Volta Redonda, o atacante Italo Carvalho meteu o braço na bola. Somem aí quantos pontos tirados do Alvinegro pelos sopradores de apito.

Apito dá vitória ao Flamengo

Que absurdo. O cara sofre falta, é empurrado claramente, perde o equilíbrio e o atacante se enrosca em suas pernas e o árbitro marca penalidade para o Flamengo.  Mais um jogo decidido por um soprador de apito. Claro, todo mundo vai dizer que o Flamengo foi infinitamente superior, e eu concordo, mas o gol da vitória saiu de um lance ilegal. E no jogo Palmeiras 3 x 1 Juventude, no terceiro gol do poderoso, falta clara do atacante Flaco López. Isso é uma indecência. Quase todas as rodadas, de alguma forma, Fla e Palmeiras acabam beneficiados, isso está muito claro.

Léo Ortiz melhor que Pulgar

Léo Ortiz é melhor que o Pulgar jogando improvisado como volante. Sei que deixo muita gente indignada, mas é que basta ser estrangeiro para virar craque nessa País. E se jogar no Flamengo, então...Na nota e na análise, o cara do GE diz que ele fez uma partida "protocolar", e aí comete a incoerência de dizer que ele acionou os companheiros de ataque. Se um zagueiro improvisado de volante consegue obter nota das mais altas dadas pelo mesmo analista, e aciona o ataque, como pode ter tido uma atuação "protocolar"?  Esse mundo do futebol é mesmo uma piada de mau gosto.

Estrangeiros não fazem falta

Eu digo isso e sei que ouviria um monte se desse atenção e fosse atrás. Mas esse Flamengo, sem os estrangeiros, está melhor que antes. A cada jogo o time cria várias situações de gols comandadas por Gerson e Loran, e ainda Léo Ortiz. Wesley está melhor que o Varela e, sinceramente, não está fazendo falta nenhuma, até agora, os "deuses" Arrascaeta e De la Cruz. Nos jogos que assisti, nada a desejar. E o imbecil do Bráz ainda comete a sandice de dizer que o time está "ganhando por acaso". O que esse sem futuro sabe de futebol eu sei de física quântica. E isso tudo ainda com Tite tentando atrapalhar com seu jogo defensivo.

Estêvão é diferenciado

E não tem Hendrick, Luiz Guilherme, nem mesmo o Lorran, do Fla, quem está jogando o futebol mais bonito, criativo, vertical é o garoto Estêvão, já vendido para o Chelsea por 61,5 milhões de euros, ou quase R$ 360 milhões, e já se tornando uma das maiores transações da história do futebol brasileiro. Esse menino não é cria de ninguém do Palmeiras, mas sim da base do Cruzeiro que o perdeu, não sei por culpa de quem. O Palmeiras terá direito a 70% do valor, enquanto o atacante e sua família têm os outros 30%. E certamente deve ter algum empresário nesse bolo.

Fla líder, Flu lanterna

Com os resultados desta 11ª rodada, o Flamengo se manteve na liderança e o Vasco sai do Z4, recolocando o Vitória em seu lugar. A rodada começou com a "largada dos vacilos" do Botafogo. Estava demorando, perdeu de 2 a 1 para o Criciúma e caiu para a quarta colocação. Grêmio 0 x 1 Inter; Cuiabá 0 x 0 Atlético/GO; Vasco 4 x 1 São Paulo; Bahia 4 x 1 Cruzeiro; Flu 0 x 1 Fla; Athletico/PR 1 x 1 Corinthians; Atlético/MG 1 x 1 Fortaleza; Palmeiras 3 x 1 Juventude e Bragantino 2 x 1 Vitória.

Deixe o seu comentário

O seu endereço de email não será publicado